Diário d'Inês

quarta-feira, dezembro 05, 2012

"Tia"

Querido diário,

Bom, não sei bem como começar este post. Nem se o titulo deveria ser com ou sem aspas, mas aqui vai. Brevemente resumido, vou ser tia ou "tia". A razão é simples, não é tia de sangue. Tenho um "mano", mas uma vez, não um mano de sangue. Tenho um grande amigo que conheço há aproximadamente vinte anos. Já é algum tempo. Tenho um amigo, que intitulei de mano, porque existem muitas razões para o ser. Um amigo e um companheiro até hoje, desde os sete aninhos. Um amigo de toda a família. A amizade constrói-se, como quase tudo na vida., basta uma base bem forte. E a nossa, pelos vistos, foi mais que forte. Apesar de tudo e de tão diferentes que somos, somos amigos. Bons e verdadeiros amigos. Apesar de não estarmos perto, apesar de meses sem nos falarmos, parece que tudo foi ontem. A amizade continua a mesma. E por tudo isso, era impossível não escrever este post. O meu mano, agora sem aspas, vai ser Pai. É o meu primeiro amigo a ir ter um filho e como se tal não bastasse, calhou ser o meu mano. E não consigo escrever a sensação que senti quando recebi aquela mensagem no dia oito de Outubro. Os meus olhos até brilharam! Felicidade! Não cheguei a dizer, mas o meu mano casou. Casou e penso que fez uma boa escolha. A mulher dele é super simpatica e gostei bastante dela. Desejo-lhes as maiores felicidades, tudo aquilo que desejo para mim, do fundo do meu coração. E o meu mano merece. Aliás, Merece com letra grande. Infelizmente sou filha única e, não só mas também, os meus amigos são o meu maior tesouro, de hoje e sempre. Como tal, o meu sobrinho, agora sem aspas, para mim será como se fosse de sangue. Pelo menos, vou acolhê-lo como tal. Agora, a longa espera de 9 meses. Ou até já são menos. Bora lá pilinhas, a Tia Inês espera-te!!!





Saudações felizes ;)

Sem comentários:

Enviar um comentário